O QUE É NEGOCIAÇÃO CFD

 

Contrato por Diferença (CFD) é um contrato entre duas partes, normalmente descritas como “comprador e "vendedor”, que estipula que o vendedor pagará ao comprador a diferença entre o valor em exercício de um ativo e o seu valor por ocasião do contrato (se a diferença for negativa, então o comprador pagará, ao invés do vendedor). Na verdade, os CFDs são derivativos financeiros que permitem aos negociadores tirar proveito dos preços em alta (posições longas) ou dos preços em baixa (posições curtas) nos instrumentos financeiros subjacentes, e são frequentemente usados para especular naqueles mercados.

Por exemplo, quando aplicado em ações, tal contrato é um derivativo de uma ação que permite ao negociador especular nos movimentos de preço do ativo, sem precisar ser o proprietário do ativo subjacente.


Posição Longa

Se você acredita que o preço está subindo, você abre uma “Posição Longa”, o que significa que para gerar lucro nesta transação, o preço no fechamento da posição deverá estar mais alto que o preço de abertura.


Posição Curta

Em contrapartida, se você acha que o preço do ativo subjacente vai cair, abre uma “Posição Curta”, significando que ao fechar a negociação, o preço estará inferior ao preço da abertura.


Fatores que influenciam o valor do CFD


  • Tempo de expiração da ordem
  • Tipo do ativo
  • Movimentos do mercado
  • Valor da ordem
  • Volatilidade do preço do CFD escolhido

Por que eu deveria operar com CFDs?


  • Ao negociar ativos subjacentes, você não está, efetivamente, comprando/vendendo eles, de modo que não há custo ou taxas de empréstimo.
  • A abertura de posições Longas e Curtas torna as transações muito mais flexíveis
  • Negociar com CFD possibilita aproveitar as vantagens da Alavancagem
  • Maximiza seu potencial de lucro negociando posições de mercado ascendentes ou descendentes

Existe algum risco nas negociações de CFD?

O risco principal de negociar CFD – Contrato por Diferença é o próprio mercado global. Operadores bem sucedidos precisam entender os fundamentos básicos e acompanhar as tendências e notícias para operar da maneira mais eficiente possível. Na maioria das vezes, é possível prever o movimento do mercado sem pesquisar, mas se o seu objetivo é alcançar níveis mais altos, conhecer o universo financeiro global é recomendável.